IRÃ CONVOCA ENVIADO SUIÇO POR APREENSÃO DE CARGA DE PETRÓLEO PELOS ESTADOS UNIDOS

TEERÃ (Tasnim) – O Ministério das Relações Exteriores convocou o embaixador da Suíça no Irã em protesto contra o confisco do navio de petróleo iraniano pelo governo dos EUA perto da Grécia.

O enviado suíço, cujo país representa os interesses dos EUA na República Islâmica, foi convocado na sexta-feira.

O encarregado de negócios suíço recebeu o protesto de Teerã na ausência do embaixador depois que o governo dos EUA confiscou petróleo iraniano perto da Grécia e decidiu enviar a carga para os Estados Unidos a bordo de outro navio.

A República Islâmica do Irã expressou sua grave preocupação e indignação com as contínuas violações do governo dos Estados Unidos da lei marítima internacional e das convenções internacionais aplicáveis, particularmente o conceito de liberdade de navegação e comércio internacional aberto e enfatizou a liberação imediata do navio e sua carga por os Estados Unidos.

O encarregado de negócios suíço indicou que levará o assunto às autoridades americanas o mais rápido possível.

A IRNA citou a Organização Portuária e Marítima do Irã dizendo que o navio-tanque buscou refúgio ao longo da costa da Grécia depois de passar por problemas técnicos e mau tempo, acrescentando que a apreensão de sua carga foi “um exemplo claro de pirataria”.

O Ministério das Relações Exteriores também convocou na quarta-feira o encarregado de negócios da embaixada da Grécia em Teerã após a apreensão da carga de um navio que estava “sob a bandeira da República Islâmica do Irã em águas gregas e ele foi informado das fortes objeções”. do governo do Irã.

O confisco foi confirmado por uma fonte ocidental familiarizada com o assunto, que disse que a carga foi transferida para o navio-tanque Ice Energy, com bandeira da Libéria, operado pela empresa de navegação grega Dynacom.

Fonte: Tasnim News Agency

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.