BOLSONARO REPREENDE O VICE MOURÃO POR DECLARAÇÃO CONTRA PUTIN E RÚSSIA

O vice-presidente Mourão afirmou em entrevista a imprensa que o presidente Vladimir Putin da Rússia é uma espécie de Hitler, que em 1938 não aceitou apaziguamento. Mourão afirmou que:

se não houver uma ação bastante significativa, e na minha opinião: menos sanções econômicas, que é uma forma intermediária de intervenção e não funciona. Vamos lembrar que o Iraque passou mais de 20 anos sob sanção econômica e nada mudou…” E continuo: “tem que haver o uso da força, realmente um apoio à Ucrânia…”

Já Bolsonoro, que viajou para a Rússia na semana passada, e se solidarizou com o presidente russo, não gostou da fala de Mourão e rebateu-as em uma das suas lives.

Bolsonaro lembrou que o artigo 84 da Constituição Brasileira afirma que é de competência do presidente da república, ou seja, não é de competência de Mourão.

O presidente também afirmou que não ouve a opinião de Mourão, que só ouve Ricardo França e Braga Neto que são ministros responsáveis por esses assuntos.

Não é a primeira vez que há desentendimento entre os dois. O vice Mourão sabe que esse ano não irá repetir a chapa eleitoral com Bolsonaro e já está estabelecendo-se em outro partido para o pleito.

Por Graan Barros

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *