AIRBUS ENTREGA O ÚLTIMO DAUPHIN À ALFÂNDEGA ESPANHOLA

Sevilha, 21 de janeiro de 2022 – A Airbus entregou o último helicóptero Dauphin, um AS365 N3, à Alfândega Espanhola. Este helicóptero reforçará a capacidade do Serviço de Vigilância Aduaneira no combate ao narcotráfico no Estreito de Gibraltar, no Mar de Alboran e na Galiza.

O helicóptero foi customizado nas instalações da Airbus Helicopters em Albacete e vem equipado com equipamentos de missão como sistema eletro-óptico, radar, sistema de comunicação tática e farol de busca, já que a maioria dos voos de patrulha ocorre à noite. Graças aos seus tanques de combustível de longo alcance, o Dauphin da Alfândega Espanhola pode voar até 3 horas e 30 minutos e atingir uma velocidade de cruzeiro rápida de 145 nós – um trunfo essencial para chegar aos navios dos narcotraficantes.

Os três Delfins da Alfândega Espanhola realizam missões de patrulha marítima para rastrear, perseguir e interceptar barcos de contrabando de alta velocidade que normalmente transportam contrabando. Em 2021, os helicópteros Dauphin contribuíram para a apreensão de mais de 200 toneladas de drogas ilícitas em Espanha, trabalhando com as 45 embarcações e unidades terrestres da Alfândega.

“A Alfândega espanhola é um parceiro de longa data desde 1985 e estamos muito orgulhosos de como, desde que o primeiro Delfim foi entregue a eles em 2002, esses helicópteros realizaram tarefas essenciais para a população, como a luta contra o tráfico de drogas em um ambiente hostil”, disse Fernando Lombo, diretor administrativo da Airbus Helicopters na Espanha. “Obrigado às mulheres e homens da Alfândega que estão aproveitando ao máximo as capacidades de patrulha marítima do Dauphin, voando o número impressionante de quase 1.000 horas por ano com cada Dauphin para proteger nossa comunidade”.

Este é o último helicóptero da lendária família Dauphin que foi fabricado em Marignane pela Airbus Helicopters. Nos últimos quarenta anos, mais de 1.100 helicópteros foram produzidos, voando sete milhões de horas em 70 países diferentes. Entre seus inúmeros marcos, destaca-se a conquista do recorde mundial de velocidade em novembro de 1991, quando o Dauphin atingiu 201 nós em um percurso de 3 km.

Fonte: Airbus

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.