VÍDEO “VAZADO” DO F-35 DO REINO UNIDO QUE CAIU NO MEDITERRÂNEO

As imagens que você está vendo ocorreram há 3 anos, quando no dia 25 de setembro um F-35B, pilotado pelo comandante Nathan Gray, líder do esquadrão Andy Edgell, da Royal Air Force, realizou a primeira decolagem de um F-35B do HMS Queen Elizabeth. E com sucesso!

Já no dia 17 de novembro último, durante um exercício, ocorreu um acidente envolvendo um outro F-35B. Uma aeronave realizava uma decolagem também empregando o mesmo sky jump do navio aeródromo não conseguiu manter a sustentação e caiu no Mar Mediterrâneo.

Como é visto no vídeo, o piloto foi forçado a ejetar no momento da decolagem, quando o caça terminava de subir a entre aspas a “rampa de sky” do navio. Artifício que fornece ao caça a “trajetória de voo ascendente”. A título de curiosidade, geralmente, aeronaves com muito armamento não podem alçar voo empregando rampas, ou seja, um f-35 no modo “beast” ou “fera”, com armamentos nas bais internas e sob pontos duros nas asas, não conseguiria ou teria dificuldade de decolar com a rampa.

No momento, há boatos que a Rússia, China ou até a Turquia estariam interessadas em resgatar o caça do fundo do mar, mas podem ser apenas propaganda contra esses países que também desenvolvem caças de 5ª geração.

Por Graan Barros

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.