SUBMARINISTAS DA ARGENTINA REALIZAM ESTÁGIO NA MARINHA DO PERU

Eles realizaram navegações a bordo de Unidades Submarinas da Marinha do país vizinho.

Peru – Na última sexta-feira foi encerrada a etapa de prática profissional realizada pelos alunos da Escola de Submarinos da Marinha Argentina a bordo de unidades da Marinha do Peru.

A experiência profissional, enquadrada no acordo de cooperação entre as Forças Submarinas de ambas as Marinhas, durou três semanas em que se desenvolveram diferentes etapas. Por um lado, realizaram aulas teóricas e, por outro, realizaram navegações e mergulhos a bordo dos submarinos BAP “Islay”, BAP “Arica” e BAP “Pisagua”. Além disso, receberam instrução nos simuladores disponíveis na Escola Peruana de Submarinos.

O contingente era formado por seis alunos, um oficial e cinco cabos, que atualmente treinam na Escola de Submarinos do Comando da Força Submarina. Também participaram dois oficiais e sete cabos treinados no ano passado, acompanhados do Diretor da Escola, Capitão da Fragata Walter Darío Tigero, e do Subtenente Eduardo Secchi.

“Graças a essas práticas profissionais, nossa Escola de Submarinos permite que os alunos alcancem todas as capacidades dos perfis de graduação dos cursos regulares de submarinos. Nossos alunos e graduados de 2020, que não puderam ter essa experiência no ano passado, experimentaram plenamente as manobras, guardas e funções durante a imersão “, disse o Capitão Tigero, acrescentando que” isso só foi possível graças ao apoio incondicional da Irmã Marina Guerra do Peru que , desde 2018, nos permite complementar a instrução de nossos alunos a bordo de suas unidades submarinas ”.

Antes dessa experiência, os jovens estudantes e mergulhadores argentinos eram instruídos por seus professores militares de Mar del Plata, que em sala de aula lhes forneciam as ferramentas necessárias para tirar o máximo proveito de cada viagem, ganhar confiança em suas habilidades e agregar experiência. seu futuro profissional. 

“Ter a oportunidade de mergulhar imersivo e provar a nós mesmos é um marco de enorme relevância em nossa formação”, comentou o Tenente Maximiliano Tartaglia, aluno do curso CAS-11 “Orientação Submarina / Treinamento para Oficiais”.

Com as navegações realizadas nas unidades submarinas peruanas e uma singela cerimônia de entrega dos respectivos diplomas aos alunos pelos anfitriões, encerrou-se esta etapa da prática profissional naquele país, iniciada no dia 19 de outubro com a cerimônia de Boas-Vindas a chegada à Estação Submarina da Marinha do Peru, oportunidade em que foram recebidos pelo Comandante da Força Submarina da Marinha do Peru, Contra-Almirante Marco Antonio Montero Gallegos.

Fonte: Gaceta Marinera

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.