FRAGATA ANTONIO MARCEGLIA TREINA COM A MARINHA DO BRASIL NO GOLFO DA GUINÉ

Na costa senegalesa, manobras e exercícios de embarque com a fragata “Independência”

Operações e treinamento – Em trânsito na costa senegalesa, em trânsito para a área de operações no Golfo da Guiné, a Fragata Antonio Marceglia (F597) planejou uma atividade de treinamento de curta distância com a fragata brasileira “Independência”, classe Niterói.

A ocasião de treinamento viu as duas unidades engajadas em manobras cinemáticas elementares e avançadas e operações de voo coordenadas com os helicópteros a bordo. Em total conformidade com o protocolo anti-Covid, foi realizado um exercício de embarque de visita, embarque, busca e apreensão (VBSS) em benefício da Equipe Oposta da Brigada de Marina San Marco, para testar sua prontidão operacional e flexibilidade de uso.

A formação conjunta é um elemento fundamental de comparação e crescimento, que decorre da partilha de boas práticas e da melhoria da eficácia da utilização dos respetivos ativos, bem como uma oportunidade de revigorar e estreitar os laços com marinhas internacionais.

O Comandante da Independência, de volta ao Brasil, cumprimentou o Comandante do Navio MARCEGLIA, Capitão da Fragata Francesco Ruggiero, com estas palavras:

“Foi uma grande oportunidade de organizar este interessante evento de treinamento e poder nos comparar com uma Unidade do Marinha Italiana Agradeço ao Comandante e à tripulação do Nave Marceglia, desejando-lhes “temer os ventos e seguir os mares” pela missão que os espera no Golfo da Guiné”.

No final do exercício, no âmbito da OPERAÇÃO GABINIA, a Fragata Antonio Marceglia (F597)  continuou navegando em direção ao Golfo da Guiné, onde se comprometerá a garantir a presença e vigilância para proteger a segurança da navegação em alto-mar e garantir o contraste de o fenômeno da pirataria até o final de sua implantação na Área de Alto Risco.

Fonte: Marinha da Itália

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.