TUDO SOBRE A MAIS NOVA MODIFICAÇÃO DO HELICÓPTERO DE COMBATE MI-28NM

Este será o helicóptero de ataque mais poderoso do Exército russo.

Neste ano, durante o show aéreo Maks-2021, os militares russos devem revelar ao público a mais nova modificação do helicóptero Mi-28N, batizada de Mi-28NM. O helicóptero realizará um voo de demonstração com elementos acrobáticos complexos.

“O helicóptero Mi-28N passou por uma série de modificações após seu batismo de fogo na Síria. Sua nova versão será o helicóptero mais poderoso das Forças Aéreas da Rússia”, diz o professor da Academia de Ciências Militares da Rússia, Vadim Koziúlin.

Segundo especialistas militares, o Mi-28NM recebeu novos motores, aviônicos, sistemas de mira e capacidade de interagir com drones.

A cabine da tripulação é hermética, com sistema de ar condicionado e proteção blindada, inclusive blindagem frontal de vidro que resiste a balas até o calibre 12,7 mm. A blindagem especial entre os tripulantes minimiza a possibilidade de fatalidade simultânea de ambos os pilotos. A armadura do casco pode suportar o impacto de projéteis de calibre de até 20 mm.

Nesse tipo de helicóptero, pela primeira vez, foi aplicada a separação entre dois tripulantes: o piloto e o navegador-operador.

Em caso de situação de emergência em altitudes superiores a 100 metros, a tripulação pode sair da cabine de paraquedas e, ao cair de uma altura inferior a 100 metros, a energia do impacto é amenizada por trem de pouso e por assentos com absorvedores de energia especiais. O sistema de evacuação de emergência é ativado separadamente pelo piloto e pelo piloto-operador.

Para garantir a segurança da tripulação, em caso de acidentes, as portas da cabine explodem e escadas especiais são infladas. Além disso, há um compartimento adicional de dois ou três assentos para evacuação de emergência das tripulações de helicópteros danificados.

“O Mi-28NM é a última modificação do Mi-28N com uma capacidade de manobra maior. A aeronave pode levar armas de alta precisão e recebeu um novo sistema de controle de fogo com elementos de inteligência artificial. O Mi-28NM pode interagir rapidamente com outros helicópteros, drones e aviões no campo de batalha”, explica o editor-executivo da revista Independent Military Review, Dmítri Litôvkin.

Segundo ele, o sistema de armamentos do Mi-28NM incluirá drones kamikaze.

“O Mi-28NM entra em uma determinada área e lança um ou diversos drones controlados pelo helicóptero. Quando objetos inimigos são detectados, a tripulação confirma os alvos e monitora a eliminação de objetos”, diz.

O helicóptero pode operar em condições climáticas difíceis, voar em modo manual ou automático e tem controle duplo. Assim, no caso de lesão ou morte do piloto, o helicóptero poderá ser controlado pelo navegador.

O Mi-28NM também recebeu um novo radar com visão circular, que fica localizado em uma carenagem esférica acima do eixo do rotor principal. Ele permite detectar alvos na faixa de 90 graus horizontais e 44 graus verticais.

O novo sistema de navegação inercial de alta frequência permite determinar a localização, velocidade, curso e outros parâmetros do helicóptero.

Fonte: Russia Beyond

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.