REVISÃO DO COMISSIONAMENTO OPERACIONAL DO RAFALE F3-R

O Almirante Pierre Vandier, Chefe do Estado-Maior da Marinha, e General da Força Aérea Philippe Lavigne, Chefe do Estado-Maior do Exército Aéreo e Espacial, decidiu na segunda-feira, 8 de março de 2021, a entrada em serviço operacional (MSO) do Rafale F3 -R.

Com o padrão F3-R, o Rafale adquire a capacidade total de uma aeronave de combate para realizar todas as missões que possam ser confiadas à Marinha Nacional (MN) e à Força Aérea e Força Aérea Francesa. Espaço (AAE), quer se trate de superioridade aérea, ataques em qualquer tempo em profundidade, apoio a tropas em terra ou mesmo o tratamento de objetivos oportunistas.

Esta combinação dá ao Rafale F3-R uma capacidade que é rara em uma escala global.

Fonte: Armée de l’Air et de l’Espace

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.