SUCESSO NOS TESTES DE LOOP MAGNÉTICO NO PORTA-AVIÕES CHARLES DE GAULLE

Na quarta-feira, 27 de janeiro de 2021, o porta-aviões Charles de Gaulle passou nos testes de loop magnético. Este sucesso, que é decisivo no combate às minas, irá reforçar as suas capacidades operacionais na próxima implantação.

Após várias horas de manobras no porto de Toulon, o porta-aviões Charles de Gaulle concluiu com sucesso, na quarta-feira, 27 de janeiro, os testes de loop magnético. A operação, do ponto de vista técnico, consistia em fazer passar, dentro de uma rede de cabos, uma corrente elétrica destinada a compensar o campo magnético do navio e, assim, evitar o desencadeamento de minas nas proximidades. O objetivo desses testes era, portanto, medir com precisão a assinatura magnética do porta-aviões e ajustar seus parâmetros de imunização.

Fivelas magnéticas PA

A passagem na cadeia de medição exige uma manobra precisa em um espaço muito limitado (alguns comprimentos de edifícios), uma série de reversões e mudanças de ritmo muito bruscas para ir de zero a mais de 6 nós no trilho de medição, com uma tolerância de menos de 10 metros. Várias vezes adiada por motivos climáticos, essa manobra foi cuidadosamente preparada em um simulador e exigiu todas as habilidades do departamento de recursos portuários da base naval de Toulon. Essa conquista coletiva permite que Charles de Gaulle confirme sua disponibilidade operacional antes de sua próxima implantação.

Fontes: Direitos da Marinha Nacional : Ministério das Forças Armadas

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.