MARINHA ENVIA MILITARES PARA INTEGRAR GRUPO DE RECEBIMENTO DAS AERONAVES KC-2 TRADER

A Marinha do Brasil designou dois militares: um capitão de fragata (Oficial de Manutenção e Planejamento) e um 1º Sargento (Especialista em Hidráulica de Aviação) a San Antonio, no Texas para integrar o Grupo de Fiscalização e Recebimento das 4 aeronaves aeronave C-1A Grumman COD (Carrier Onboard Delivery) / AAR (Air-to-Air Refueling), denominadas KC-2 Trader e que serão recebidas pelo esquadrão VR-1.

O contrato assinado em 2011 com a americana Marsh Aviation Companyprevê a modernização/ remotorização e conversão para o padrão Carrier-on-Board Delivery/Air-to-Air Refueling (COD/AAR) KC-2 Turbo Trader standard de quatro células.

A entrega da primeira aeronave deveria ocorrer em abril de 2014 e a última em outubro de 2015, mas por problemas da Marh com o Departamento de Estado Americano, parece ter havido atraso. Existia suspeitas de que a empresa americana fornecia peças a Venezuela, mesmo com o “embargo” ao então governo de Hugo Chaves.

A atualização Grumman C-1A incluirá retorno da aeronave para serviço, Revisão completa da fuselagem, a substituição de motores TPE331, instalação e integração de novos aviônicos (Glass Cockpit), APU, OBOGS, HUMS, novos sistemas de comunicação e sistemas de ECS, e Sistema de Reabastecimento Aéreo Paletizado (PARS).

História antiga…

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *