ESTADOS UNIDOS NÃO QUEREM ADMITIR QUE ENVIARAM MERCENÁRIOS PARA A VENEZUELA

A afirmação do governo americano, através do secretário de Defesa norte-americano Mark Esper, de que não enviaram marcenários a Venezuela para tentar matar Nicolás Maduro, cai em descrédito a cada dia que passa.

“O Governo dos Estados Unidos não teve nada a ver com o que aconteceu na Venezuela nos últimos dias”, afirmou Esper.

Ele se refereriu a uma recente invasão de mercenários vindos da Colômbia acompanhados de dois ciddadãos americanos já identificados como Luke Alexander Denman e Aaron Barry. A captura desmente as autoridades dos Estados Unidos. Segundo Nicolás Maduro, “o objetivo da invasão era matá-lo”. 

O secretário de estado americano Mike Pompeo afirmou que, entretanto, usará todas as ferramentas para liberdar os cidadãos americanos detidos pelo Exercito Bolivariano da Venezuela.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *