GRIPEN – SEMPRE À FRENTE: VER O INVISÍVEL

Entendemos que o futuro do combate aéreo será definido pela tecnologia. O Gripen reduz a chance de ser detectado ao contar com sensores passivos e interferências ativas, o que significa que armamentos podem ser usados antes que as forças inimigas possam contra-atacar, ou antes mesmo delas identificarem o caça.

Confira no vídeo como funciona a tecnologia do novo caça adquirido pela Força Aérea Brasileira.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *