EUA SUSPENDEM VOOS DE TREINAMENTO NO NORTE DO JAPÃO APÓS UM F-16 LANÇAR BOMBA ACIDENTALMENTE

  • JAPAN NORTH KOREA NUCLEAR US MILITARY
    **FILE** An F-16 fighter jet in Fighter Squadron 14 takes off from Misawa Air Base, northern Japan, in this Oct. 11, 2005 file photo. As politicians scrambled Tuesday, Oct. 10, 2006 to decide how to respond to North Korea's claim it conducted Monday, Oct. 9, a nuclear weapons test _ including possible military sanctions _ the 80,000-plus U.S. troops in Asia were keeping a low profile, with officials cautiously avoiding any comments that might provoke the North. (AP Photo/Itsuo Inouye, FILE)

Relatórios anteriores disseram que o caça F-16 dos EUA lançou acidentalmente uma bomba inerte fora da zona de vôos de treinamento

TÓQUIO, 7 de novembro / TASS /. A Força Aérea dos EUA suspenderá vôos de treinamento perto da Base Aérea de Misawa, na província de Aomori, na sequência de um incidente quando um caça F-16 deixou cair acidentalmente uma bomba inerte, escreveram no Twitter as Forças dos Estados Unidos do Japão no Twitter.

“O USFJ leva a sério a segurança e Misawa suspendeu quedas inertes até novo aviso”, diz o comunicado. “Este incidente destaca a importância de um treinamento realista para garantir a segurança das operações”.



Relatos anteriores disseram que o caça F-16 dos EUA lançou acidentalmente uma bomba inerte fora da zona dos vôos de treinamento. Não foram relatados feridos ou danos. As autoridades japonesas repreenderam Washington, exigindo que os EUA envidem todos os esforços para evitar tais incidentes.

Incidentes menores de aeronaves têm aumentado no Japão nos últimos anos, o que causou sérias preocupações entre os cidadãos. Esses incidentes geralmente estão relacionados às aeronaves dos EUA enviadas ao Japão, mas às vezes também envolvem as Forças de Autodefesa do país.

Fonte: TASS

Facebook Comments


Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Close