RÚSSIA DESENVOLVE VERSÃO NAVAL DO “TOR-M2E”

ST. PETERSBURGO. 12 de julho / TASS /. O primeiro protótipo do sistema de mísseis superfície-ar Tor-MF para a Marinha Russa será criado no início dos anos 2020, disse o assistente do CEO da usina eletromecânica da Kupol em Izhevsk, Vyacheslav Kartashov, à TASS na Defesa Marítima Internacional.

“O trabalho continua a desenvolvido no sistema marítimo Tor-MF. Até agora, ele foi criado em desenhos. Estamos planejando fazer seu protótipo de ‘hardware’ no início dos anos 2020”, disse ele.

O contratante da defesa está desenvolvendo o Tor-MF para a Marinha Russa, ele especificou.

“O sistema é padronizado por seu hardware e software e deve ser integrado a um navio”, disse o assistente do CEO da Kupol.

Um Tor-M2 realiza tiro no convés de uma frgata do projeto 11356 Almirante Grigorovich.

O sistema terrestre de mísseis de defesa aérea Tor-M2 é um meio eficaz para atingir aeronaves, helicópteros, veículos aéreos não tripulados aerodinâmicos, mísseis e também outras armas de precisão que voam em altitudes médias, baixas e extremamente baixas em um ambiente adverso com interferência.

O Tor-M2 é caracterizado por sua alta capacidade de manobra, mobilidade, resposta rápida, a automação de operações de combate e a eficiência de engajar uma ampla gama de alvos.

O nono Salão Internacional de Defesa Marítima acontece no Centro de Exposições Lenexpo, em São Petersburgo, de 10 a 14 de julho. A mostra naval foi organizada pelo Ministério da Indústria e Comércio com o apoio do Ministério da Defesa, do Ministério das Relações Exteriores, do Serviço Federal de Cooperação Técnica e Militar, do exportador estatal de armas Rosoboronexport e do governo de São Petersburgo. Um total de 353 empresas, incluindo 28 empresas estrangeiras de 19 países, participam da mostra naval.

Fonte: TASS

Nota do Blog:

Segundo o engenheiro Victor Magno Gomes Paula, membro do Centro de Estudos Estratégicos “Paulino Soares de Souza” da UFJF, o Exército Brasileiro se interessou e adquirir o sistema durante a seleção de caças da Força Aérea Brasileira conhecida como FX-2. O autor considera que o míssil 9M333 “está entre os mais precisos do mundo”.

Você pode gostar...