BOLÍVIA PRETENDE ADQUIRIR UAVs E NANO TECNOLOGIA DO IRÃ

O chanceler do Irã, Mohammad Javad Zarif visitou, no dia 23, o presidente da Bolívia Evo Morales e um dos resultados práticos desse encontro, além de fomentar as relações bilaterais e aumentar a balança comercial, é a criação de um laboratório de nanotecnologia e uma fábrica de medicamentos. O Irã também demostrou interesse em importar mais produtos bolivianos.

Na área da defesa a Bolívia tem interesse em adquirir Unmanned Aerial Vehicle (UCAV), em português: veículos aéreos não-tripulados (VANTS) da indústria iraniana. Diante das necessidades de defender sua soberania, o país persa desenvolveu diversos veículos com capacidade de realizar missões ISTAR (Intelligence Surveillance Target Acquisiton and Reconnaissance), em português: Inteligência, Vigilância, Aquisição de Alvos e Reconhecimento, além de combate.

Shahed-171

Os UCAVs do Irã já foram testados em combate com sucesso, demostrando eficiência e precisão. Recentemente, o Mojaver 6 e o Shahed-129 atacaram posições do Daesh e outros grupos terroristas nas fronteiras do país.

Por Graan Barros

Você pode gostar...