MADURO DIZ QUE COMANDANTES MILITARES TÊM “TOTAL LEALDADE” EM MEIO A TENTATIVA DE GOLPE

  • Presidente Maduro, foto de Carlos Garcia Rawlins
Todos os comandantes militares da Venezuela são leais ao governo, assegurou o presidente Nicolas Maduro em meio a uma tentativa de golpe militar, declarada pelo líder da oposição Juan Guaido.

Maduro, que é considerado um “usurpador” por seu desafiante, disse que havia falado com todos os oficiais militares das forças armadas do país, que lhe asseguraram “total lealdade à constituição e à pátria”. apoiantes para mobilizar em face da mais recente tentativa de Guaido para tomar o poder em Caracas.

O ministro da Defesa venezuelano, Vladimir Padrino Lopez, também disse em um discurso na TV que as forças armadas nacionais permaneceram leais ao governo, acrescentando que os responsáveis ​​pelos “atos de violência” foram parcialmente derrotados.

Mais cedo na terça-feira, Guaido postou um vídeo filmado perto de uma base aérea em Caracas, pedindo uma ação decisiva contra o governo de Maduro. Atrás dele estavam várias pessoas em uniformes militares – aparentemente destinadas a ser um testemunho vivo do apoio do exército. O líder da oposição vem lutando para conquistar as tropas por meses desde que se declarou “presidente interino” em janeiro.



O governo venezuelano chamou os homens uniformizados de “um pequeno grupo de traidores” e prometeu lidar com a “tentativa de golpe militar”. O ministro da Defesa demitiu os desertores.

Fonte: RT

Facebook Comments


Compartilhe
Close