DRAGON: ISRAEL REVELA O NOME DO SEU NOVO SUBMARINO

  • Um oficial da marinha israelense assiste à conclusão da mais recente adição à frota de submarinos de Israel

O sexto submarino da Marinha foi originalmente nomeado de INS Dakar, que teve um final trágico em 1968.

O sexto submarino da Marinha de Israel, que começará a funcionar no início da década de 2020, será batizado de INS Dragon, um predatório peixe de águas profundas. O nome foi anunciado no decorrer de uma conferência dedicada ao plano de trabalho da Marinha para 2019.

O nome foi escolhido após um longo processo de cinco anos. O nome original selecionado para o submarino fabricado pelos alemães era Dakar – nome de um submarino israelense que afundou com seus tripulantes em 1968.



No entanto, membros da família dos marinheiros que pereceram a bordo do INS Dakar original se opuseram ao nome e disseram que foram prejudicados por ele. O nome “Dragão” – escrito “Drakon” em hebraico – contém todas as letras em “Dakar” e é uma maneira de prestar homenagem sutil aos 69 marinheiros que morreram quando o submarino afundou.

Também foi decidido que a futura linha de submarinos do Naval Arm – para a qual o Dragon é um protótipo – será chamada de “Classe Dakar” em memória da tripulação do submarino perdido.

O Comandante do Braço Naval, Major General Eliyahu (Eli) Sharvit, disse que “os guerreiros de Shayetet 7 (a frota de submarinos) salvaguardam nossa segurança, com profissionalismo, sofisticação, dedicação e atenção constantes, dia e noite”.

Apesar de extensas buscas ao longo de 30 anos, os restos do INS Dakar não foram encontrados até 1999, quando foram descobertos entre Chipre e Creta. A causa exata de seu naufrágio permanece desconhecida.

Fonte: World Israel News

Facebook Comments


Compartilhe
Close