CANHÃO ELETROMAGNÉTICO DEVERÁ EQUIPAR NAVIOS CHINESES EM BREVE

  • Um suposto canhão eletromagnético experimental equipa um navio de desembarque chinês

Os navios de guerra chineses “em breve” serão equipados com railguns (canhões eletromagnéticos) que os tornarão pioneiros mundiais, com avanços da equipe de engenharia naval liderada pelo acadêmico Ma Weiming em vários setores relacionados, informou a televisão nacional na quarta-feira.

Ma, um acadêmico da Universidade Naval de Engenharia em Wuhan, na província de Hubei, na China Central, e sua equipe, obtiveram resultados inovadores em tecnologia de lançamento eletromagnético com propriedade intelectual totalmente independente, informou o cctv.com.

O relatório foi divulgado em um momento em que um navio de desembarque chinês, supostamente equipado com um canhão eletromagnético experimental, foi capturado em uma câmera em um local não revelado. No entanto, a autenticidade da foto não pôde ser verificada.



Em fevereiro, o mesmo navio de desembarque com uma railgun eletromagnética foi fotografado no porto, informou o jornal Science and Technology Daily, de Pequim.

Li Jie, um especialista naval de Pequim, disse ao Global Times na quinta-feira que o desenvolvimento do railgun eletromagnético da China atingiu um estágio maduro após uma série de testes.

Se o teste recente for verdadeiro, pode estar entre os testes finais antes da entrega da arma à Marinha do Exército de Libertação do Povo, disse Li.

Um canhão eletromagnético pode disparar projéteis por força eletromagnética a uma velocidade incrivelmente destrutiva. Ele pode alcançar faixas mais distantes quando comparado com a artilharia padrão e manter alta precisão, disseram especialistas militares.

Os EUA também estão experimentando a nova arma, mas a China será o primeiro país a realmente equipá-la em um navio de guerra, de acordo com o relatório da cctv.com.

As armas e equipamentos eletromagnéticos navais da China ultrapassaram outros países e se tornaram líderes mundiais, segundo o relatório.

Especialistas militares chineses esperam que o Tipo 055, o destróier de mísseis guiados domesticamente da China, com capacidade para 10.000 toneladas, use a railgun eletromagnética.

Li disse que a arma também poderia ser usada em futuros porta-aviões da China e navios de assalto anfíbio.

Fonte: Global Times

Facebook Comments


Compartilhe
Close