COALIZÃO LIDERADA PELOS EUA ATACA ALVOS DO GOVERNO SÍRIO

Aviões de guerra da coalizão liderada pelos EUA bombardearam várias posições do exército sírio na província síria oriental de Deir ez-Zor, informou a mídia local SANA, citando uma fonte militar.

O ataque ocorreu pouco depois da meia noite de quinta-feira. A SANA informou que a aeronave de coalizão liderada pelos EUA infligiu danos materiais limitados e nenhuma vítima. Os ataques aéreos, que ocorreram perto da cidade de Al-Bukamal, foram supostamente coordenados com militantes contra o governo.

Mais cedo, o grupo libanês Hezbollah, um aliado das forças sírias na luta com o Estado Islâmico (EI)disse que os jatos da coalizão atacaram dois postos avançados do exército sírio, incluindo uma instalação de energia perto da fronteira iraquiana.

A área tem visto rápidos avanços das Forças Democráticas da Síria (SDF) apoiadas pelos EUA contra os militantes do EI perto de Al-Bukamal e se movendo em direção à margem oriental do rio Eufrates.

Na semana passada, a SDF anunciou que assumiu o controle de uma antiga base do EI no rio Eufrates, perto da fronteira síria-iraquiana, aproximando-se do território controlado pelo governo sírio.

A Síria foi recentemente submetida a enormes campanhas de bombardeio por outro aliado dos EUA, Israel, que no início de maio enviou 28 caças que dispararam cerca de 60 mísseis ar-terra em território sírio contra o que Tel-Aviv alegou serem alvos da Guarda Revolucionário Iraniano. Israel disse que seu maior ataque em anos foi uma resposta ao lançamento de um ataque do Irã à parte controlada pelos israelenses nas colinas de Golan, na Síria. As defesas aéreas sírias retaliaram, supostamente disparando cerca de 100 mísseis contra aviões israelenses.

Fonte: RT

Você pode gostar...