SSN-6 REALIZA PRIMEIRO LEVANTAMENTO HIDROGRÁFICO UTILIZANDO AS NOVAS LANCHAS

Detalhe ampliado da Carta Náutica 3377 apresentando o estreitamento do canal principal com o avanço do banco de areia

No período de 13 a 17 de novembro, o Serviço de Sinalização Náutica do Oeste (SSN-6) realizou Levantamento Hidrográfico (LH) no Rio Paraguai, utilizando as novas lanchas hidrográficas “LIMA” e “JULIET”.

A comissão teve como objetivo identificar possível assoreamento do canal principal do rio a montante da Ilha do Castelo no KM 1613, da Hidrovia Paraguai-Paraná (HPP). Os resultados encontrados foram consistentes e permitiram a confirmação da hipótese inicial de assoreamento do canal principal. Assim, o SSN-6 optou pela alteração da sinalização náutica no local de forma a garantir a passagem do navegante pelo canal secundário, no revés da ilha, que apresenta maiores profundidades.

As novas embarcações foram especialmente projetadas para as finalidades hidrográficas com fito de atender os padrões exigidos pela Organização Hidrográfica Internacional (OHI). Para tal, foram construídas a partir Polietileno de Alta Densidade (PEAD) e equipadas com os modernos ecobatímetros da empresa norueguesa Kongsberg Maritime.

Lancha LIMA no Rio Paraguai
Fonte: MB
09/12/2017

Você pode gostar...