TOLERÂNCIA ZERO CONTRA O RACISMO NA ACADEMIA DA FORÇA AÉREA AMERICANA

O superintendente da Academia da Força Aérea dirigiu-se aos cadetes, professores, funcionários e candidatos a cadetes em 28 de setembro de 2017, na sequência dos insultos raciais recentemente escritos nos quadros de mensagens dormitórios de cinco cadetes afro-americanos na Academia Preparatória da Força Aérea dos Estados Unidos.

“Se você está indignado com essas palavras, então você está no lugar certo”, disse o tenente-general, Jay Silveria. “Esse tipo de comportamento não tem lugar na Escola de Preparação, não tem lugar na USAFA e não tem lugar na Força Aérea dos Estados Unidos”. Silveria recomendou os cadetes a se engajarem em discussões abertas sobre o tema e se concentrarem em encontrar soluções.

“O que devemos ter é um discurso civil e falar sobre essas questões”, disse ele. “Essa é uma ideia muito melhor”.

Ele referenciou os problemas atuais de raça em todo o país, para incluir Charlottesville, Virgínia, Ferguson, Missouri e os protestos na Liga Nacional de Futebol, e deu um exemplo de um fórum recente da faculdade para os cadetes discutirem Charlottesville.

Silveria passou a falar sobre o poder da diversidade. 

“Viemos de todos os setores da vida, de todas as partes deste país, procedemos de todas as raças, procedemos de todos os planos, gêneros, […]”, disse ele. “O poder dessa diversidade nos une e nos torna muito mais poderosos”.

Silveria abordou esse tema para que ele refletissem sobre isso.

“Se você não pode tratar alguém de outra raça ou pele de cor diferente com dignidade e respeito, então você precisa sair”, ele disse enfaticamente. “Se você não pode tratar alguém com dignidade e respeito, então saia”.

Esta não foi a primeira vez que o novo superintendente discutiu os temas de dignidade e respeito. Em seu primeiro discurso aos cadetes, professores e funcionários em agosto, ele deixou claro onde ele está, “Se você quiser encontrar uma “linha vermelha comigo”¹, será na área de respeito e dignidade”.

Forças de segurança da Academia da Força Aérea estão investigando o incidente.

Fonte: Força Aérea dos EUA

http://www.af.mil/News/Article-Display/Article/1329996/superintendent-addresses-racial-slurs-at-usafa/

¹Termo muito usado nos EUA para designar um linha limite, de onde não se deve ultrapassar.

Você pode gostar...