IRÃ ADVERTIU “RQ-4 GLOBAL HAWK” DOS EUA A SE AFASTAR DE SEU TERRITÓRIO

TEHERAN (Tasnim) – A Defesa Aérea do Irã detectou um drone Global Hawk da RQ-4 da Força Aérea dos Estados Unidos na semana passada e deu uma advertência para ficar longe do espaço aéreo do país, afirmou um alto comandante do país persa.

Falando em um programa televisionado na noite de sábado, o Comandante da Defesa Aérea do Irã, Brigadeiro Geral Farzad Esmaili, disse que um drone americano RQ-4 recebeu foi advertido* no dia 26 de agosto.

O Irã nunca permitirá que tais aviões hostis se aproximem de seu espaço aéreo e não hesiterá em derrubá-los, se necessário, acrescentou.

Destacando o progresso do país no desenvolvimento de sistemas avançados de defesa aérea, o comandante disse que os militares locais desenvolveram um “radar” doméstico que cobre uma faixa de 3.000 quilômetros.

Ele também observou que o Bavar-373, um sistema de mísseis de defesa aérea de longo alcance, foi submetido a testes de mísseis e entrará em serviço no final do atual ano iraniano em março de 2018.

O Bavar-373, projetado e fabricado por especialistas iranianos, tem um sistema de lançamento vertical com lançadores quádruplos, principalmente utilizados para defesa aérea em navios de guerra. Ele usa um radar de controle de fogo de longo alcance, denominado Me’raj-4.

O sistema de defesa aérea de uso doméstico emprega três tipos diferentes de mísseis para atingir alvos em várias altitudes.

Os técnicos militares iranianos fizeram, nos últimos anos, grandes avanços na fabricação de uma ampla gama de equipamentos indígenas, tornando as forças armadas auto-suficientes na esfera dos braços.

Teerã sempre assegurou a outras nações que suas forças armadas não representam qualquer ameaça para os países regionais, dizendo que a doutrina de defesa da República Islâmica baseia-se inteiramente na dissuasão.

Fonte: Tasnim

*A advertência, logicamente, foi dirigida a operadores em terra.

Você pode gostar...