CHINA PRETENDE AVANÇAR NAS NEGOCIAÇÕES DE LIVRE COMÉRCIO COM ÁRABES E ISRAEL

No último Congresso Nacional Popular (APN) realizado em Pequim, além do anúncio do orçamento da defesa para o ano de 2017, a China através do primeiro-ministro Li Keqiang, prometeu que o país avançará nas negociações sobre zonas de livre comércio, como o Conselho de Cooperação do Golfo (GCC) que incluí o Bahrein, Kuwait, Omã, Qatar, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos.

O ministro acrescentou que o interesse chinês na região não é recente, começou em 2004 e não se resume apenas aos países árabes, mas o Estado de Israel, país que considera ter grande potencial econômico.

Durante o congresso também foram discutidos diversos outros acordos com outros blocos e nações. Segundo, Kegiang, a expansão das zonas de livre comércio ajudará a China a proteger melhor seus interesses nas negociações comerciais bilaterais e multilaterais.

Por Graan Barros

Você pode gostar...