PILOTOS CHINESES APRENDEM RUSSO PARA PILOTAR CAÇA SUKHOI 35

Em breve a China receberá um lote de caças multifunção Sukhoi SU-35, em um total de 25 aeronaves. Apesar de serem fabricados a pedido do governo chinês, não terão seus mostradores do cockpit com os dados no idioma do cliente, toda a leitura será feita em russo.

A decisão foi dos chineses, que entenderam que a leitura dos dados em mandarim seria muito complicada, dada a especificidade da língua, considerada muito complexa para ser lida nos monitores LCD do caça, ou seja, pediram para deixar tudo como está.

Outro fator importante para a tomada de decisão foi a familiaridade dos pilotos chineses com o material russo. A China é cliente tradicional da Rússia, tendo a indústria bélica do país recebido, inclusive, importante “transferência de tecnologia”, que permitiu consolidar avanços nessa área.

Fonte: Izvestia

Você pode gostar...