CRISE ENTRE O IRÃ E ARÁBIA SAUDITA

  • iRÃ E aRÁBIA sAUIDTA2
  • iRÃ E aRÁBIA sAUIDTA
  • iRÃ E aRÁBIA sAUIDTA

O rompimento das relações diplomáticas entre a Arabia Saudita e o Irã foi o ápice, até o momento, de uma disputa antiga entre os dois países, mas que se acirrou com a decretação da pena de morte de um importante clérico xiita, o xeique Nimr Baqir al-Nimr, juntamente com diversos opositores ao regime saudita.

O xeique Al-Nimr representava um forte oposição ao regime Sunita de Riad, que reprime a minoria xiita do país e do vizinho Iemen. A execução gerou fortes reações do Irã de maioria Xiita e principalmente do seu líder supremo o Aiatolá Khamenei. A população também reagiu, realizando protestos violentos, que culminaram com a invasão e incêndio da Embaixada da Arábia Saudita.

No plano regional os dois países exercem grande influência no conflito da Síria, sendo que o Irã apoia o governo de Assad e a Arábia Saudita tenta retira-lo do poder. Externamente, o Irã é apoiado pela Rússia e a Arábia Saudita pelos Estados Unidos. Por isso mesmo, a solução dessa crise pode estar nas mãos de Vladimir Putin e Barak Obama, os homens mais influentes do mundo.



Há poucas horas o governo do Bahrein decidiu apoiar a posição saudita e também rompeu relações com o Irã.

Por Graan Barros

Facebook Comments


Compartilhe
Close