AEL ENTREGA PRIMEIROS PROTÓTIPOS DE SISTEMAS PARA CAÇAS SUECOS

Empresa gaúcha é responsável por desenvolver os softwares que serão usados nos 36 aviões fabricados pela Saab para a Aeronáutica

 
Foi feita nesta quarta-feira, em Porto Alegre, a primeira entrega da AEL Sistemas à sueca Saab, que vai fornecer 36 çaças à Aeronáutica a partir de 2017. Liderados por Göran Almquist, diretor do projeto Gripen Brasil na Saab, os suecos vieram receber o protótipo inicial de dois equipamentos, a tela única que diferencia o modelo e o visor com dados de voo – no jargão da empresa, o WAD e o HUD. Presidente da AEL, Sérgio Horta ressaltou o cumprimento rigoroso do cronograma:

– Houve temor de que a AEL causasse atraso no programa, mas estamos demonstrando competência e compromisso.
 
A entrega é importante porque permite à Saab avançar no desenvolvimento dos aplicativos.
 
– É como se a gente fizesse o Windows e a Saab, o Office – comparou Horta.
 
A transferência e o desenvolvimento de tecnologia no Brasil foi o diferencial que fez o governo brasileiro escolher a Saab. Mas não faltou suspense.
 
O contrato de financiamento dos caças foi assinado na semana passada, depois de o juro passar pela tesoura de Joaquim Levy. Cerca de 40 dos 280 profissionais da AEL, que faturou R$ 250 milhões em 2014, trabalham no projeto.
 
Ontem, mostravam aos “colegas” suecos como vai funcionar o sistema (foto). Em um ano, a AEL entrega o segundo protótipo e deve finalizar a produção até julho de 2017. Também vai fornecer um capacete equipado com visor.
 
Fonte: Zero Hora
Foto: AEL
Facebook Comments


Compartilhe
Close