BRITÂNICOS ACUSAM ESPANHÓIS DE PROVOCAÇÃO APÓS PERMITIREM QUE SUBMARINO RUSSO REABASTECESSE PRÓXIMO A GIBRALTAR

 

Segundo o “The Independent”, a Espanha está sendo acusada pelos Britânicos de agir de forma provocativa, permitindo que um submarino russo do tipo Projeto 636.3 Kilo “Novorossiysk”, acessasse o estreito de Gibraltar e se reabastecesse a uma distância de apenas 19 milhas náuticas da Pedra de Gibraltar. O território é motivo de litígio entre os dois países. 
 
Imagem: Wikipedia
Além de se reabastecer durante três dias, a tripulação teria tido permissão de usufruir a infraestrutura turística de Gibraltar antes de rumar, provavelmente, para a Península da Criméia, região recentemente anexada pela Rússia.
 
Para os britânicos, a Espanha adotou uma postura relutante em relação a Rússia, mesmo sendo um país membro da OTAN. No sábado passado um barco de patrulha espanhol disparou contra um barco de Gibraltar, sendo o terceiro incidente desse tipo em duas semanas.
 
Submarino Russo

O submarino russo é um modelo convencional de propulsão diesel-elétrica. Isto é, não possui reator nuclear. Sua função é de submarino de ataque (SSK) e seus armamentos permitem atacar outros submarinos com torpedos, além de engajar meios de superfície como fragatas e outros tipos de navios usando os mísseis 3M-54 KLUB. A classe Kilo também dispõe de defesa antiaérea através das versões para submarino do famoso manpad IGLA. 
 
Míssil 3M-54 KLUB
 
A classe Kilo não possui lançadores verticais de mísseis. Todos os armamentos são lançados através dos seus tubos de torpedos como vemos abaixo.
 
 
 
 
Por Graan Barros

 

Você pode gostar...