CHINA REBATE CRÍTICAS: INTERCEPTAÇÃO DE AERONAVE AMERICANA QUE SOBREVOAVA SUL DA CHINA É CONSIDERADA ROTINEIRA


O Ministério da Defesa da China rejeitou as acusações dos EUA de que um caça, SU-27 chinês interceptou de forma perigosa uma aeronave de Patrulha Marítima, P-8 Poseidon na costa do sul da China.

 
O porta-voz do Ministério Yang Yujun chamou as acusações americanas de “infundadas” em um comunicado divulgado na noite de sábado. Ele disse que o piloto chinês realizou as manobras de forma profissional e manteve o jato chinês a uma distância segura do avião norte-americano.” Yang afirmou que vôos chineses são de rotina.
 
O secretário de imprensa do Pentágono, contra-almirante John Kirby, fez um relato diferente na sexta-feira passada. Ele disse que o avião chinês fez várias passagens muito próximas ao P-8 Poseidon da marinha norte-americana chegando mesmo a ficar a apenas 30 pés (9 metros).
 
Kirby também havia relatado que o piloto chinês realizou uma manobra provocativa conhecida como “barrel roll”, que ofereceu risco a tripulação das duas aeronaves.
 
Fonte: Reuters (texto adaptado)
 
 
Saiba Mais!

O que é um “Barrel Roll”

No vídeo vemos uma caça F-18 Super Hornet realizando um “Barrel Roll”, quando o piloto faz a aeronave girar em seu eixo longitudinal.
 

Você pode gostar...