AVIBRÁS APRESENTA NOVA VIATURA BLINDADA

 

A Avibras em cooperação com a Renault Trucks Defense apresentará ao Centro de Avaliações do Exército Brasileiro (CAEx) no dia 15 de abril o seu mais novo produto – a viatura blindada TUPI 4×4.
 
A viatura participará do processo de seleção conduzido pelo Exército Brasileiro para aquisição da Viatura Blindada Multitarefa Leve sobre Rodas (VBMT-LR) como parte do escopo do Projeto Estratégico do Exército GUARANI, o qual inclui viaturas blindadas médias e leves. A VBMT-LR completará a Nova Família de Viaturas Blindadas sobre Rodas planejada para reestruturar e modernizar a capacidade da Força Terrestre.
No final de novembro de 2013, um Plano de Avaliação e Aceitação foi emitido pelo Exército Brasileiro para empresas nacionais e estrangeiras interessadas em participar do processo de avaliação para que apresentassem suas viaturas ao CAEx para inspeção, seguida de testes iniciados em abril, se estendendo até junho deste ano.
Durante esse tempo extremamente curto (novembro 2013 até abril 2014), a Avibras e a Renault Trucks Defense integraram suas capacidades para cuidadosamente projetar e preparar a viatura blindada TUPI 4×4 para atender a todos os requisitos apresentados no Plano de Avaliação e Aceitação, bem como aos Requisitos Operacionais Básicos publicados em novembro de 2013 e ambos do Exército Brasileiro.
A viatura blindada TUPI 4×4 é baseada na Viatura SHERPA LIGHT SCOUT, a qual é uma da várias versões da família de viaturas SHERPA LIGHT, uma excelente plataforma oferecendo alta capacidade de carga (2,5 toneladas) e um peso total de oito toneladas, considerando todos os níveis de proteção balísticas e proteção contra minas exigidos pelo Exército.
A espaçosa e ergonômica cabine blindada tem quatro portas, cinco assentos, e permite a instalação de vários equipamentos de acordo com a versão da viatura e sua missão.
O projeto flexível e modular do teto permite a fácil instalação de diferentes sistemas de armas desde um simples suporte para metralhadora até diferentes marcas de Torretas de Armas com Controle Remoto, incluindo a nacional REMAX.
A cabine blindada básica tem provisão para instalação de blindagem adicional, permitindo que a viatura seja utilizada em tempo de paz em uma configuração mais leve, otimizando o consumo de combustível, economizando pneus e freios e minimizando o desgaste e quebras. Nas missões táticas os kits de blindagem adicional disponíveis propiciam várias possibilidades de proteção aos tripulantes.
A larga combinação de sistemas de armas e proteção blindada só é possível graças à alta capacidade de carga do TUPI 4×4, resultado da utilização do poderoso conjunto motor+transmissão+eixos da Renault Trucks Defense e que assegura elevada mobilidade mesmo com a viatura carregada no seu limite máximo de 10,5 toneladas.
A viatura a ser apresentada ao CAEx já possui vários subsistemas e componentes feitos na Avibras para atender a requisitos específicos do Exército, como por exemplo o Sistema Lançador de Granadas Fumígenas, Sistema Elétrico Duplo, clinômetro, Sistema de alto-falante, blindagem adicional e Equipamento Rádio.
É esperado que um lote inicial de viaturas seja adquirido em caráter de urgência para atender às necessidades da Força de Paz do Exército Brasileiro que deve se juntar a UNIFIL (Força Interina das Nações Unidas no Líbano).
A Avibras e a Renault Trucks Defense têm a capacidade industrial de responder rapidamente a qualquer demanda de urgência das Forças Armadas Brasileiras.
Como o Exército Brasileiro e também os Fuzileiros Navais têm interesse em adquirir uma quantidade expressiva de VBMT-LR dividida em diversos lotes começando em 2016, a estratégia das empresas é progressivamente aumentar o conteúdo local das viaturas TUPI 4×4 (que já começou a acontecer na primeira viatura) e, caso o TUPI 4×4 seja selecionado, o conteúdo local deverá aumentar para 32% no lote inicial, alcançando mais de 60% em meados de 2016.

Fonte: Avibrás

Facebook Comments


Compartilhe
Close