A EXPOSIÇÃO RE-CONSTRUIR A SÍRIA 2018 COMEÇA COM A PARTICIPAÇÃO DE 270 EMPRESAS

  • Exposição Re-Construir a Síria 2018

Damasco, SANA – As atividades da 4ª Exposição Re-Construir a Síria 2018 tiveram início na cidade de Damasco, com a participação de 270 empresas de 29 países.

A exposição, que dura até 6 de outubro, é organizada pela Fundação de Exposições al-Bashiq sob os auspícios do primeiro-ministro Imad Khamis. A exposição mostra equipamentos de construção e materiais, bem como tecnologias de construção inovadoras.



Empresas de 29 países incluindo, Líbano, Jordânia, Rússia, Irã, China, França, Itália, Bielorrússia, Brasil, Macedônia, Indonésia, África do Sul, Sérvia, Dinamarca, Grécia, Espanha, Venezuela, Paquistão, Cuba, Alemanha, Iraque, Sultanato de Omã, Índia, Romênia, Bélgica e Tanzânia participam da exposição.

Em um comunicado aos jornalistas, o ministro de Obras Públicas e Habitação, Hussein Arnous, disse que o aumento notável de participantes na exposição estabeleceu evidências claras de seu sucesso, ressaltando a importância de tal exposição para ajudar empreiteiros e pessoas interessadas nos setores público e privado. encontrar as suas necessidades nos mercados locais e externos.

Por sua parte, o embaixador iraniano em Damasco, Javad Turk-Abadi, observou que a exposição revela a firme determinação do povo sírio e seus aliados em reconstruir o país, enfatizando o desejo de seu país de fazer parte de projetos de construção.

Ele acrescentou que 11 empresas iranianas líderes em infraestrutura, eletricidade, projetos residenciais, transporte marítimo e ferrovias participam do evento.

Diretor Geral da Fundação al-Bashiq Tamer Yaghi disse que a área reservada dobrou 100% em relação às edições anteriores, indicando que a exposição cobre uma área de 10.000 metros quadrados, além de áreas externas.

Fonte: SANA

R.Raslan / Mazen

Facebook Comments


Compartilhe