PORTA-HELICÓPTEROS A-140 “ATLÂNTICO” CHEGA AO RIO DE JANEIRO

  • DSCN2006

O Porta-Helicópteros Multipropósito A140 “Atlântico”, novo Nau capitânia da Marinha do Brasil já está definitivamente no Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro. O Atlântico entrou na Baia da Guanabara ontem, por volta da 8:50h, depois de realizar em alto-mar a “Vistoria de Segurança da Aviação” (VSA) que aprova o navio para operações aéreas. Nas fotos e vídeos que captamos é possível ver que seis aeronaves foram recolhidas ao seu convoo, sendo dois UH-13, dois UH-15 e dois SH-16. Segundo o comandante do navio, o Capitão-de-Guerra-e-Mar, Giovani Corrêa, numa breve entrevista após a atracação, as aeronaves restantes serão acrescentadas na medida que houver necessidade nas futuras operações.

O “Atlântico” atracou no cais do Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro em definitivo, às 13h48. Nesse intervalo, o navio ficou fundeado na altura do Escola Naval, quando teve a oportunidade de recolher as aeronaves aos seus respectivos hangares por meio de elevadores. Depois, com a ajuda de três rebocadores iniciou uma lenta operação de atracação no Arsenal de Marinha, talvez por ser a primeira no local. Agora, o Atlântico está atracado logo a afrente do ex-porta-aviões A-12 “São Paulo”, no berço onde ficava o saudoso “Minas Gerais”.

Para a descida da tripulação foi baixada a escada com o nome do navio nas laterais e a rampa automática para materiais e pequenas viaturas, mas a extremidade da mesma ficou presa nos trilhos usados pelos guindastes que operam no arsenal dando um pouco de trabalho para os militares, mas nada que uma pequena adequação não resolva. Enfim, os militares puderam descer e matar as saudades de seus familiares e levá-los a bordo para conhecer um pouco do navio.

Por Graan Barros

Não seria possível elaborar essa matéria e outras que se seguirão sem a contribuição da Marinha do Brasil, através de sua Assessoria de Imprensa, que nos deu acesso para embarcar e pernoitar no Navio Doca Multipropósito G-40 “Bahia, entre os dias 24 e 25 de agosto.

Agradecemos especialmente:
Ao Capitão-Tenente Fabrício Costa
A 1º Tenente Thais Costa;
A 1º Tenente Louise;
No NDM Bahia
Ao Comandante do NDM Bahia: Capitão-de-Mar-e-Guerra “Serrano” e seu imediato: Capitão-de-Fragata “Assano”.

Facebook Comments
Compartilhe