CHINA DEVE ESTAR PREPARADA PARA SE DEFENDER NO CASO DE UMA GUERRA NA PENÍNSULA DA COREIA

  • Exército chinês foto Pang Xinglei

A China deve se preparar para uma guerra defensiva a qualquer momento na Península da Coreia, disse um ex-oficial militar no sábado. O tenente-general Wang Hongguang, ex-vice-comandante do Comando da Área Militar de Nanjing, fez a declaração em um fórum anual do Global Times no sábado.

“A guerra na península coreana pode começar a qualquer momento a partir de março do ano que vem”, afirmou Wang, enfatizando que “a China deveria estar preparada psicologicamente para uma potencial guerra da Coréia. As regiões ao Nordeste da China deveriam ser mobilizadas para isso”.

“Essa mobilização não é para lançar uma guerra, mas para fins defensivos”, acrescentou.



A “mobilização defensiva” centra-se principalmente nos militares, um mecanismo de enfrentamento passivo nas regiões fronteiriças do país, que poderiam ser afetadas por batalhas próximas, disse Song Zhongping, especialista militar e comentarista de televisão, no Sunday Times.

A defesa militar será ativada na área da fronteira, desdobrando armas anti-mísseis, enquanto a ajuda humanitária deve ser preparada para potenciais refugiados de guerra da Coréia do Norte, acrescentou Song. Uma vez que a guerra explodir na península, a Coréia do Sul será a mais danificada, seguida da China, e haverá um grande risco de exposição a contaminação nuclear e terremotos, disse Wang.

Se a China estiver preparada, limitaria o dano que tais conflitos poderiam criar e proteger sua segurança nacional, disse Song, observando que a ação defensiva poderia levar a um envolvimento se a ação dos EUA na Península Coreana ameaçar os principais interesses da China. Song disse que o Exército de Libertação do Povo da China está preparado para conflitos potenciais na área, e o mundo não deve subestimar as capacidades de defesa da China.

Jilin Daily, um jornal afiliado ao Comitê Jilin do Partido Comunista da China no Nordeste da China, publicou um relatório em 6 de dezembro descrevendo armas nucleares, medidas de proteção e a diferença entre uma invasão aérea em tempos de guerra e desastres normais. O artigo também fornece algumas informações sobre armas nucleares, incluindo suas classificações, características, tipos de explosões nucleares e os danos que podem causar.

A probabilidade de uma guerra na Península Coreana é maior do que nunca. No entanto, tanto a Coréia do Norte quanto Donald Trump se preocupam com o grande risco e custo da guerra, disse Shi Yinhong, diretor da Renmin University of China’s Center for American Studies.

Fonte: Global Times

Facebook Comments


Compartilhe