EGN PROMOVE EVENTO SOBRE CENÁRIOS DE DEFESA PARA O BRASIL

  • ESPECIALISTAS
  • bannerCenários

RIO – Quais são as perspectivas para o Brasil nos próximos 20 anos? O que o futuro nos reserva? Quais serão as novidades em Segurança e Defesa? Essas e outras perguntas vão nortear palestra e debates com os maiores especialistas em cenários prospectivos do país no evento Cenários para Defesa do Brasil – métodos e práticas que acontece nesta quarta-feira (8/11) a partir das 9h, na Escola de Guerra Naval (Avenida Pasteur, 480 – Urca – RJ).

Com o tema Megatendências e Brasil 2035 – reflexos em segurança e defesa, Elaine Marcial abre as atividades do dia, às 9h. Em seguida, Claudio Porto, Eduardo Marques e Raul Grumbach participam de uma mesa redonda sobre o benchmarking para organizações dos setores de Defesa e Segurança do Brasil. A entrada é franca e aberta ao público. As vagas são limitadas e as inscrições deverão ser feitas pelo emailegn-cepedivulgacao@marinha.mil.br.

Cenários prospectivos são imagens alternativas de futuro que facilitam a tomada de decisões. São ferramentas poderosas utilizadas para melhorar o processo de planejamento estratégico de uma organização. A prospectiva explora um conjunto de situações mediante a simulação e desdobramentos de certas condições iniciais diferenciadas e a explicitação dos eventos que levariam à sua concretização.



Sobre os especialistas

ESPECIALISTAS

Elaine Marcial possui doutorado e mestrado em Ciência da Informação (UnB), DEA em Informação Científica e Tecnológica (Universidade de Marseille-FR), é especialista em Cenários Prospectivos e Inteligência Competitiva e Bacharel em Estatística. Atua na área de estudos de futuro e Inteligência Competitiva desde 1996 e já elaborou/coordenou a construção de diversos cenários prospectivos e estudos de tendências e previsões. Coordenou a elaboração do projeto de implantação do Sistema de Inteligência Competitiva em instituição financeira e realizou/coordenou diversos relatórios de Inteligência. Autora de diversos livros, possui vários artigos científicos publicados em congressos nacionais e internacionais. Foi coordenadora no Núcleo de Estudos Prospectivos da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República (SAE/PR), onde coordenou o projeto Megatendências Mundiais 2030 (2012-2015) e Coordenadora-Geral de Planejamento, Gestão Estratégica e Orçamento, no Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), onde coordenou o projeto Brasil 2035 (2015-2016). Associada fundadora da Associação Brasileira dos Analistas de Inteligência Competitiva (Abraic), onde já exerceu os cargos de vice-presidente e de presidente (de 2000 a 2004). É membro da Rede Brasileira de Prospectiva e da World Future Society (WFS).

Eduardo Marques possui graduação em engenharia metalúrgica pela Universidade Federal de Ouro Preto (1969), mestrado em ENGENHARIA NUCLEAR – Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (1972) e doutorado em Economia Industrial e da Tecnologia – Universitè de Paris IX (Paris-Dauphine) (1976). Atualmente é subdiretor de relações internacionais – EBAPE Fundação Getulio Vargas (FGV) e professor titular – EBAPE Fundação Getúlio Vargas (FGV). Iniciou sua atuação profissional em administração de P&D em energia nuclear e tem experiência em administração pública e de empresas, nas áreas de planejamento energético, planejamento estratégico e cenários.

Raul José dos Santos Grumbach é mestre em Ciências Navais, professor honorário da Universidade Privada del Norte, de Trujillo no Peru e formado em Curso de Altos Estudos com Prospectiva em Madrid / Espanha, entre 1989 e 1990. Sócio fundador da Brainstorming Assessoria de Planejamento e Informática, da qual é diretor, tendo prestado serviços de consultoria, na área de Cenários Prospectivos, ao Ministério Público de do Trabalho e ao Ministério Público de Goiás, ao Estado Maior do Exército, ao Departamento de Polícia Federal, à Brazshipping Marítima Ltda., à Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP / MJ), ao Centro de Gestão e Estudos Estratégicos CGEE / Núcleo de Assuntos Estratégicos da Presidência da República (NAE / PR), ao Banco do Brasil e ao Banco Santander Banespa, dentre outros. Conduz regularmente Cursos de Análise Prospectiva para as Escolas de Comando e Estado – Maior do Exército e da Aeronáutica. É autor dos livros “Prospectiva – A Chave para o Planejamento Estratégico” e “Cenários Prospectivos: como construir um futuro melhor”. É o responsável pelo Método Grumbach.

Claudio Porto é diretor-presidente e fundador da Macroplan. Formado em Economia, é consultor há mais de 40 anos em construção e análise de cenários, estratégia e gestão para governos, empresas e instituições públicas e privadas. É co-organizador dos livros “2022 – Propostas para um Brasil melhor no ano do bicentenário” e “Propostas para o governo 2015-2018, uma agenda para um país próspero e competitivo”.

Fonte: Escola de Guerra Naval

Por e.mail

 

 

Facebook Comments
Compartilhe