ISRAEL REALIZA EXERCÍCIO EM GRANDE ESCALA SE PREPARANDO PARA NOVA GUERRA CONTRA O HEZBOLLAH

  • Bilal Hussein

Em face do maior exercício militar das Forças de Defesa de Israel (FDI) em duas décadas, o grupo terrorista do Hezbollah lançou uma série de ameaças a várias fontes de mídia.

Na terça-feira, as FID estavam preparadas para desembarcar uma força militar abrangente perto da fronteira de Israel com o Líbano. O exercício procura simular uma invasão pelo Hezbollah no norte de Israel e representa a maior exercício desse tipo em 20 anos.

Um funcionário militar disse à Ynet, segunda-feira, que o exercício incorporaria milhares de pessoal e veículos marítimos, terrestres e aéreos durante 10 dias, incorporando capacidades de segurança cibernética e tecnologia de defesa militar. O exercício é amplamente visto como uma resposta necessária ao arsenal de foguetes e outras armas do Hezbollah , que violam os termos explícitos da paz negociada após a Segunda Guerra do Líbano em 2006.



Notavelmente, as Nações Unidas (ONU) não tomaram nenhuma ação significativa para impor os termos da paz negociada. Suas forças provisórias no Líbano, UNIFIL, permaneceram completamente ineficazes ao parar as ações ilegais do Hezbollah.

Em resposta ao exercício complexo das FDI, que envolverá uma série de estágios e simulações, funcionários da Hezbollah, anônimos, lançaram uma ofensiva de imprensa em vários meios de comunicação libaneses, informou o jornal de língua hebraica Maariv e The Jerusalem Post. “Estamos prontos para qualquer ataque ou estupidez israelense”, disse um funcionário anônimo do Hezbollah .

O relatório observou que “várias publicações diárias” no Líbano discutiram o exercício, incluindo o site Al-Manar afiliado ao Hezbollah e o diário Al-Akhbar de Beirute. O Al-Manar descreveu os exercícios das FDI na terça-feira como “grandes manobras do exército israelense simulando uma infiltração do Hezbollah [no território israelense]”.

“Nós [Hezbollah] estamos totalmente alertas e prontos a [atuar] a qualquer momento e em qualquer cenário possível”, disse um funcionário sem nome do Hezbollah. “Os israelenses não terão êxito em nos surpreender, porque Israel conhece bem as capacidades do Hezbollah após a perda que sofreu em 2006, o que dissuadiu as FDI”.

Apesar da descrição menos que sincera de Hezbollah da guerra, o Hezbollah sofreu quase seis vezes mais baixas do que as IDF na guerra de 2006.

Por: World Israel News Staff

Facebook Comments
Compartilhe