O QUE PROVOCOU UM AMASSADO NO “SEVERSTAL”, MAIOR SUBMARINO DO MUNDO

  • 309264-1000

Agora, foi revelado o que ocasionou o amassado no casco do TK-20 Severstal, último submarino construído do projeto 941 Akula.

Em 20 de agosto de 1995, o submarino estava no Polo Norte para realizar testes com mísseis em uma região Polar sem gelo, conhecido como polynya. O submarino estava perto da superfície para uma leitura precisa de dispositivos de navegação, que o capitão Alexander Bogachev qualificou como: “A coisa mais difícil no Pólo Norte”.

Logo em seguida houve uma forte corrente no absinto e depois de três horas e meia perseguindo-a, fomos capazes de nos mover dentro e começamos a subida. A cerca de 40 metros de profundidade, fortes correntes se lançaram contra o navio, e o fizeram subir transversalmente na polynya. Uma vez à tona, o gelo, que se partiu ao provocou o amassado a estibordo”.



Texto reduzido

Fonte: DefenceRU

PERFORMANCE:
Velocidade superfície: 12 nós
Velocidade submerso: 27 nós
Profundidade máxima: 400 m
Autonomia: 180 dias
Tripulação: 160 men

DIMENSÕES:
Deslocamento (superfície): 23,200 (28,500) tons
Deslocamento (submerso): 48,000 (49,800) tons

ARMAMENTO:
6 tubos de torpedos 533-mm
22 torpedoes 53-65K, SET-65, SAET-60M, USET-80, e Vodopad rocket torpedos
20 Mísseis Balísiticos Bulava
8 Mísseis Antiaéreos Igla

Facebook Comments


Compartilhe