PESQUISAS BRASILEIRAS AJUDAM A DESENVOLVER DESDE FORNOS DE MICROONDAS A CAÇAS (STEALTH)

A foto é meramente ilustrativa

Recomendo com veemência a leitura do interessantíssimo artigo científico: “Características de Absorção da Radiação Eletromagnética em Revestimentos Planos à Base de Ferritas de Mg-Mn” dos engenheiros, A. C. C. Migliano e C. A. Reis de Freitas, ambos do Instituto de Estudos Avançados – IEAv/CTA  e do F. C. Lourenço de Melo do Instituto de Aeronáutica e Espaço-IAE/CTA. 
 
O artigo aborda o desenvolvimento de MARE (Materiais Absorvedores de Radiação Eletromagnética) em português ou RAM (Radar absorbing materials) em inglês, com base na mistura de pós de ferritas de Mg-Mn com uma base de resina epóxi alifática. O objetivo desse tipo de material é reduzir o reflexo da radiação eletromagnética incidente. O artigo ainda exemplifica a uso final do material absorvedor, que tanto beneficia o mercado civil como o militar, ou seja, o uso dual:
 
Civil
Blindagens de fornos de microondas, evitando que a radiação se evada para o ambiente.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Militar
Redução de radar cross-section (seção reta-radar) de aeronaves, navios, blindados e outros artefatos.
 
Em 10 de abril de 2014, publicamos uma matéria (clique aqui) sobre o desenvolvimento de uma tinta com propriedades de MARE pelo IPqM (Instituto de Pesquisas da Marinha). A tinta foi utlizada nos periscópios dos submarinos classe “Tupi” da Marinha do Brasil, reduzindo a Seção Reta Radar dos mesmos. 


(Se o leitor quiser ler o artigo na sua totalidade clique aqui.)
 
Por Graan Barros

 

Facebook Comments


Compartilhe