MARINHA DO BRASIL INICIA OPERAÇÃO “ADEREX-II” DURANTE A “SEMANA DA MARINHA”

Teve início em 8 de dezembro, a Operação “ADEREX-II”, compreendendo a área marítima do Rio de Janeiro (RJ), Vitória (ES) e Santos (SP). Entre os meios navais participantes estão: os Navios de Desembarque de Carros de Combate “Almirante Saboia” e “Ceará”, ambos com aeronaves MH-16 “Seahawk” embarcadas; as Fragatas “Liberal”, com a aeronave UH-12 “Esquilo” embarcada, “Niterói”, “União”, “Greenhalgh”, com a aeronave AH-11A “Super Linx” embarcada, “Rademaker”; o Navio-Tanque “Marajó”; e o Submarino “Tapajó”.
Logo após a desatracação da Base Naval do Rio de Janeiro (BNRJ), foram realizados dois exercícios muito importantes para o adestramento da tripulação, são eles: “Postos de Combate” e “Postos de Abandono”. Foram simulados focos de incêndio em alguns compartimentos dos navios participantes. Na ocasião, o pronto emprego das equipes de Controle de Avarias (CAV) dos navios foi fundamental para combater o fogo simulado.
A Operação aconteceu até o dia 17 de dezembro, onde foram realizados diversos exercícios de caráter estritamente militar, contemplando operações de ataque, antissubmarino, esclarecimento, apoio logístico móvel, apoio de fogo naval, lançamento de Míssil Superfície-Superfície EXOCET MM-40, lançamento de Míssil Ar-Superfície PENGUIN, lançamento de bombas de aviação para fins gerais (BAFG), lançamento de bombas de aviação de exercício sobre alvo Splash Target e lançamento de torpedo por navio e por aeronave. Serão também realizadas ações de superfície, aérea, de submarinos, de guerra eletrônica e de guerra cibernética e Patrulha Naval na Amazônia Azul, nas bacias petrolíferas de Santos e Campos.
Por ocasião das atracações nos Portos de Vitória e Santos, foram, ainda, realizadas Ações Cívico-Sociais, com doação de sangue, vestuários e material de higiene. 

 

Fonte: Marinha do Brasil

 

Obs.: Além do 1º disparo do míssil Penguin por uma aeronave MH-16 Seahawk da Marinha do Brasil a Aderex II/2014 traz um outro destaque: o retorno do NDCC Ceará as operações navais. Recentemente, noticiamos em 1ª mão o fim do PMG (Período de Manutenção Geral) do Ceará. Para ler essa notícia clique aqui
Facebook Comments


Compartilhe